o que publicar em cada rede social
Blog Marketing Digital

O que publicar em cada rede social para promover o teu blog

Ao promoveres o teu blog em diversas redes sociais, crias uma audiência e dás a conhecer o teu trabalho. Segue estas estratégias para cada rede social.

Quando se trata de criar conteúdos em blog, como consegues trazer mais pessoas ao teu website?

Uma das técnicas mais utilizadas é o SEO para blogs. Ou seja, escrever para que os teus conteúdos façam um match com aquilo que o utilizador está a pesquisar.

Outra forma de promover o teu conteúdo é criar uma newsletter. Neste momento, podes acompanhar as publicações do Erre Grande todas as sextas-feiras, ao subscreveres à newsletter aqui. Tens assim uma rede de contactos em que comunicas diretamente com ela. Podes dar mais conteúdo do que aquele que tens no blog, fazer temas especiais e criar uma verdadeira ligação com os teus autores.

Para promover o teu conteúdos deves também utilizar as redes sociais

Os dados falam por si. O habitual Digital Trends 2021, um relatório da Hootsuite, mostra que os portugueses passam mais de duas horas por dia a utilizar as redes sociais e 43% dos inquiridos utiliza as redes sociais como principal meio de pesquisa por marcas.

O teu público está nas redes sociais, por isso partilhar o teu conteúdo lá é realmente importante para conhecer novos públicos, captar a tua audiência de nicho e levá-los para o teu blog. Para isso acontecer, segue este guia do que partilhar em cada rede social

Facebook – imagens e anúncios

O Facebook é das redes sociais mais conhecidas em Portugal, utilizada tanto por jovens como adultos. É um meio em que se partilham imagens pessoais, mas também artigos, notícias e vídeos. É um palco ideal para colocar anúncios que possam levar mais tráfego ao teu site.

Para esta rede social, para além de partilhar os links dos teus artigos de blog, partilha imagens/rubricas para incentivar o diálogo ou partilha. É cada vez mais difícil ter interação no Facebook organicamente, pelo que no médio prazo, podes pensar em utilizar anúncios continuamente, se tal ajudar no teu tráfego. Verifica sempre no teu Google Analytics qual é o peso do Facebook no teu tráfego antes de fazer esta alavancagem.

Ler mais: Qual a frequência de publicação ideal para o meu blog?

Instagram – imagens para “guardar”

O Instagram faz parte da família do Facebook e tem crescido nos últimos anos, com cada vez mais utilizadores e também em funcionalidades. É possível fazer tudo com imagens e vídeo: colocar no feed, nas stories, fazer com efeitos, conversas LIVE e Reels.

É por isso uma rede social que depende muito de ti, em termos diários, para teres crescimento e interação. Mas também podes ser estratégico e agendar algumas publicações para te ajudar a promover o conteúdo.

No Instagram, porque não apostar em conteúdos educativos? A mudança de algoritmo desvaloriza mais os likes e dá preferência a partilhas e a posts guardados. Assim, transforma um dos teus artigos em imagens para que os utilizadores possam aprender, guardar e partilhar. Pode fazer a diferença na tua estratégia de marca pessoal nesta rede social.

rede social youtube

Youtube – faz exemplos práticos dos teus artigos

Sabias que o Youtube é a rede social com mais utilizadores em Portugal? É de facto uma rede social incrível para aprender qualquer coisa grátis. Podes realizar vídeos como escreves no teu blog, complementando os teus artigos com exemplos visuais e concretos.

Neste caso, no Youtube, não te esqueças na descrição do vídeo de partilhar o link do artigo do blog, bem como os links de outras redes sociais para o utilizador escolher de que forma te vai seguir.

Twitte – resumos em threads

O Twitter é menos utilizado em Portugal, mas com os conteúdos certos, consegues ter uma comunidade que comenta e partilha as tuas ideias.

O truque é não seguir os habituais órgãos de comunicação social ou famosos, mas sim pessoas do teu ramo profissional que têm gostos semelhantes. Se tens um blog de viagens, vê que viajantes têm Twitter e cria interação com eles.

Podes ainda desconstruir os teus artigos de blog em “threads” para captar a atenção da atua audiência e partilhar a tua opinião. Para quem está focado em criar uma comunidade, o Twitter pode ser uma ajuda importante.

LinkedIn – publicações semanais

Esta é a rede social que mais passo tempo e produzo conteúdo. As próprias estatísticas do meu blog colocam o LinkedIn como a segunda fonte de tráfego, para além do orgânico. Como trabalho temas ligados ao marketing digital e desenvolvimento pessoal, são temas que têm boa aderência no contexto profissional que esta rede social promove.

No Linkedin, podes sempre partilhar links dos teus artigos, para obter tráfego e ir complementando com publicações sem link.

Nestas publicações semanais, desconstrói as principais ideias de um artigo numa publicação (máximo 1200 caracteres), coloca uma imagem bem como as hashtags relevantes do tema. Faz isto duas vezes por semana, em dias diferentes, durante algumas semanas e vê no Google Analytics a evolução.

Ler mais: 7 Passos Para Ter Um Bom Perfil no LinkedIn

Outras redes sociais

Existem outras redes sociais que podes utilizar, desde que saibas que o teu público alvo está lá e terá interesse no teu conteúdo. O Snapchat é muito utilizado por jovens, pelo que pode ser interessante partilhares lá o teu conteúdo. O TikTok pode ser uma boa ferramenta se queres adaptar os teus conteúdos para vídeo.

Não esquecer que os grupos de Facebook ou LinkedIn são excelentes para conheceres profissionais relevantes ou potenciais clientes, ao mostrares o teu conhecimento e promoveres o teu trabalho de forma autêntica.

Deixo também uma menção ao Reddit, que tem vários grupos de fórum com uma comunidade muito informada, crítica e pronta para ajudar.

Promove o teu blog nas redes sociais, adaptando os conteúdos ao que cada uma delas “gosta” de receber. E conseguirás ter mais visitas no teu blog.

Sharing is caring!