criar bons hábitos para ser melhor
Desenvolvimento Pessoal

3 coisas que te impedem de criar bons hábitos

Gostavas de criar bons hábitos, mas a cada tentativa estás a falhar? Sabe o que deves evitar para ter sucesso.

Quando se trata de desenvolvimento pessoal, entende-se que alguém que ser melhor. Quer seja ter melhores relações com a família, sentir-se feliz no trabalho ou cuidar dos outros, queres sempre aumentar os bons momentos e ultrapassar os maus momentos.

Na tua jornada, certamente já ouviste falar da importância de criar bons hábitos.

Criar bons hábitos é uma maneira de crescer de forma constante

Quando olhas para pessoas que consideras bem sucedidos, questionas-te qual o seu segredo. Muitos mostram o que fazem no dia-a-dia e garantem que é a sua rotina que os permite ser extraordinários.

Ou seja, não é aquilo que tu fazes de vez em quando que te define. É aquilo que fazes todos os dias.

O efeito cumulativo consegue explicar melhor esta pensamento.

Os seres humanos são criaturas de hábito e resistentes à mudança. Somos muito bons a adaptarmo-nos a novas circunstâncias, mas sair da zona de conforto é algo de que não gostamos. Faz-nos recordar o medo do desconhecido, da rejeição, de colocar em causa a sobrevivência.

Contudo, também consegues identificar hábitos que não são tão bons para ti. Pode-se pensar em muitos: sedentarismo, fumar, comer fast-food, não beber água, etc. Assim, entendes que queres mudar.

Ler mais: Cuidar do corpo e da mente: segue estes 7 gestos todos os dias

O ano novo é por norma a altura em que decidimos criar bons hábitos

É geralmente em janeiro que dizes “vou mudar e ser melhor”. E crias o teu plano: ir ao ginásio duas vezes por semana, fazer um curso online, mudar de trabalho. Estás entusiasmado e pronto para o desafio. O primeiro mês corre muito bem, mas depois já te esqueceste.

Ler mais: Como definir objetivos para 2021 em 7 passos

Também já perdeste a conta de vezes que disseste para poupar dinheiro no Uber Eats, beber mais água ou começar a caminhar. O que te está a impedir de criar bons hábitos? De os manter e chegares a um estado melhor na tua vida. Eis o que te pode estar a dificultar a tarefa.

1 – Definir muito bem o teu plano de ação

Se no passado quiseste algo, mas falhaste, talvez tenhas de aplicar uma nova estratégia. O que não funcionou antes dificilmente vai funcionar agora. Por isso adapta-te!

Desta vez faz a sério. Escreve muito bem o teu objetivo e antecipa os problemas que vais encontrar.

Queres beber mais água todos os dias? Compra uma garrada de 1,5 litros, faz duas marcas para dizer o que precisas de beber da parte da manhã e da parte da tarde. E ainda coloca um alarme no telemóvel para de uma em uma hora para beber água.

Ou seja, cria mecanismos que te ajudam a não esquecer. Antecipa os problemas e encontra soluções para quando os desafios aparecerem tens uma forma de continuar o teu desafio.

Ler mais: Adaptabilidade: a skill mais importante para os tempos de incerteza

criar bons hábitos mulher sorridente

2 – O teu hábito não é uma prioridade

Por vezes podes não estar a criar bons hábitos porque tens muitas prioridades ao mesmo tempo. Ou então aquele hábito que estás a criar não é de todo prioridade.

Podes querer fazer mais exercício físico, ler 10 páginas por dia ou telefonar aos teus pais todas as semanas. Mas se não deres real valor a esse hábito, dificilmente o vais tornar algo importante na tua vida.

Por isso, ao escolher o hábito, pensa o quão importante é para ti cumprir este hábito.

É também comum teres várias prioridades na vida e não conseguir ir a tudo. Eu acabo muito por cair neste tipo de armadilha. Como sou criativa e tenho vários projetos ao mesmo tempo, acumulo desafios ao mesmo tempo. Num determinado mês, quis fazer um curso online, trabalhos de freelancer, ler livros e ainda o desafio 90 dias do blog.

Não senti vontade ou entusiasmo em fazer cada uma das coisas e alguma coisa teve de ceder. Porquê? Porque não tinhas as prioridades muito bem definidas.

Para criar um bom hábito, deves muito bem saber se vai ser algo que vais tornar prioridade. Se não, escolhe outra altura.

3 – Vida social

Quantas vezes já disseste “eu comecei bem, mas depois a vida acontece!”. É verdade, muitas vezes é a vida social que está a impedir de criar bons hábitos. Principalmente no verão.

Com o bom tempo a chegar, queres passar mais tempo lá fora, com os amigos, a descontrair. As pessoas começam a ir de férias, o ritmo abranda e não tens a mesma vontade. Contudo, deves identificar como a tua vida social vai-te “estragar” os teus hábitos.

Se queres ir ao ginásio duas vezes por semana e afinal vais jantar com amigos, vais ter de reorganizar a tua vida para cumprir o objetivo. Tal como quando estás a ler, não estás a ver a tua série preferida. Quando se trata de criar bons hábitos, tens de escolher o que fazer.

Seguindo os conselhos anteriores, define prioridades e organiza o teu calendário para que semana a semana cumpras com os teus objetivos.

Ler mais: 5 pequenos hábitos que me ajudam na rotina matinal

Assim, estes são alguns obstáculos que podes encontrar quando estás a criar bons hábitos. Identifica-os, antecipa-os. Reflete sobre eles e arranjar soluções para fazer mais e melhor, todos os dias.

Sharing is caring!