erros no blog wordpress
Blog Marketing Digital

5 erros que estás a cometer no teu blog ou site WordPress (e como resolvê-los)

Quer tenhas um website do teu projeto ou um blog, possivelmente há erros que estás a cometer. Sabe neste artigo como evitá-los e resolvê-los.

O Erre Grande já tem 5 anos e passou por várias fases e também cometi alguns erros. Ao trabalhar com WordPress, vou aprendendo boas práticas para tornar o meu blog mais intuitivo, rápido, visualmente apelativo.

Um ponto fundamental para quem tem um website ou um blog é a experiência do utilizador. É bom ter este espaço para partilhar as minhas ideias, mas tenho de perceber se as pessoas conseguem ver o meu conteúdo, se é rápido aceder ao meu blog e se conseguem ler os artigos no computador ou no telemóvel.

Recentemente, tenho visto muitos empreendedores digitais ou criadores de conteúdo a criar os seus próprios websites. Esta é sem dúvida uma boa prática, porque ter o teu próprio sítio na net permite-te personalizar a tua marca, conseguir novos leitores através dos motores de pesquisa e não estar dependente de algoritmos de uma rede social que, a qualquer momento, pode apagar todo o teu trabalho.

Para quem está a começar é normal cometer erros

É normal que não tenhas conhecimentos técnicos para mexer com o WordPress ou criar um website no WIX por exemplo. Mesmo para quem tem experiência, há alguns erros que tenho visto e que seriamente comprometem o teu trabalho bem como a imagem que estás a passar ao utilizador. Por isso se tens um site WordPress ou um blog, estes são os erros que provavelmente estás a cometer e como podes resolvê-los.

Para criares o teu blog ou website com os espaços certos, lê este artigo.

1 – O teu website não é responsive

Muitos cursos de marketing digital e outros materiais incentivam-te a criar um website no WordPress ou noutra plataforma. Os seus tutoriais ajudam-te a ter finalmente um website, mas há um ponto que te esqueces de verificar: se o teu website é responsive.

O website responsive é um website desenhado que reformata e rearranja o teu conteúdo da página dependendo do tamanho do teu browser (desktop ou mobile). Assim, podes ver o teu website em qualquer plataforma, sem desformatar.

Assim, quer estejas a aceder via mobile ou destkop, vais sempre ter um website com elementos visíveis, alinhados. Muitas vezes, entro no website via telemóvel e o mesmo está desconfigurado. Existem muitos espaços em branco, as “caixas” aparecem nas margens do ecrã e há elementos em cima de botões, que não ajuda a aceder ao conteúdo que tu queres.

Considerando que a maior parte do tráfego é mobile, mesmo que cries um website giro, não podes descurar o mobile. Uma forma de saberes é verificar o teu site no telemóvel e se tudo está a funcionar e se consegues aceder a links, menus e botões de forma intuitiva.

Se não, uma forma de resolver é apostar num tema simples que já seja responsive. A maioria dos temas em WordPress já o são, por isso é uma escolha prática. Podes começar com o Astra ou o Neve, por exemplo. Se quiseres, podes enviar num tema WordPress (como eu fiz) e ter todas as componentes responsive de forma automática.

Este é um erro fácil de evitar e melhora logo a experiência do utilizador.

2 – Textos centrados

Não sei se há produtores de conteúdo a incentivar a criar artigos de blog com mais de 600 palavras com texto centrado. Se os há, estão a induzir-te em erro. Por favor, não centres os textos dos teus artigos ou páginas!

Ninguém lê coisas centradas no digital (talvez newsletters, e mesmo assim, há newsletters com texto alinhado à esquerda) e não ajuda na leitura. Isto porque quando terminas uma frase, os olhos não vão para o mesmo ponto, temos de andar à procura onde começa a frase.

Por isso, utiliza sempre texto alinhado à esquerda, como a maior parte dos livros e outros materiais. Texto centrado ou justificado é para evitar. É um erro simples que se resolve rapidamente e garanto-te que a experiência do utilizador melhora bastante!

erros no website wordpress

3 – Verifica as “margens” do teu website

Vi este erro em alguns sites porque queres customizar o teu site através de um theme builder, como o Elementor, mas falta-te algumas boas práticas de web design e enquadramento de seções com colunas.

Isto acontece quando abres um website e tens texto mesmo colado à margem esquerda, seções em que o texto sai da área correspondente, ou “fotos desenquadradas na experiência mobile.

Uma dica para resolver este erro é ter um template responsive pois já está pensado para estas margens. Se, de facto, utilizares o Elementor e a configuração da tua página for “Full-Width”, verifica as margens dos vários blocos. Se possível aplica uma margem para que o conteúdo não fique nas margens do teu website. Não te esqueças de verificar o aspecto também em mobile.

4 – Não atualizares plugins

Uma das funcionalidades do WordPress é ter vários plugins que otimizam a experiência. Contudo, não deves ter demasiados, pois podem tornar o teu site mais lento. O melhor é escolher poucos, mas bons e apropriados ao tipo de blog ou website que tens. Podes ver algumas sugestões neste vídeo do Elementor com plugins gratuitos a instalar.

Para além de os teres ou não ativos, deves fazer as atualizações necessárias e perceber se elas mudaram algum aspecto no teu site. Assim, ele está atualizado, rápido e sem comprometer o conteúdo.

5 – Manter o site funcional

Por fim, não basta ter um website é preciso cuidar do mesmo e perceber como está a correr a experiência do utilizador.

  • O teu menu tem muitos elementos e aparece em duas linhas? Optimiza esta parte.
  • Os links que tinhas no Linktree no teu perfil do Instagram não estão a funcionar? Tens de resolver.
  • Todas as páginas estão acessíveis ao utilizador, quer seja no menu de navegação, na barra lateral ou no footer?
  • Os teus contactos ou redes sociais estão visíveis na versão mobile?

De tempos a tempos, coloca-te do lado do utilizador e olha para o teu site de forma crítica. Aponta pequenas alterações a fazer pois mostra que te preocupas. Outra regra que podes seguir: menos é mais. Não precisas de muita coisa para mostrar o teu blog, o sobre mim, os contactos e os produtos que queres destacar. Por isso, foca-te no essencial e verifica se os utilizadores conseguem perceber de forma clara a tua proposta.

Estes são erros simples que podes estar a cometer no teu blog e que consegues resolvê-lo ao torná-lo mais profissional. Investe algum tempo a mexer num template responsive gratuito e irás ganhar muito no teu projecto.

Sharing is caring!