PRODUTIVIDADE

3 dicas para estudar melhor

Os estudantes têm de encontrar várias estratégias para estudar melhor. Partilho contigo três dica que funcionaram comigo.

Estudar é um processo que nos acompanha a maior parte da vida.

Primeiramente, estuda-se na escola, depois na faculdade e por vezes também no trabalho. Estudar pode ser chato, mas é um exercício muito interessante para o cerébro.

Não estou a falar de estudar em “marrar”.

Estudar implica procurar e apreender informação de forma a que esta nos seja útil numa determinada ocasião. Para um estudante comum, estudar significa ler os manuais da escola e fazer exercícios para que, quando chegue o teste, consiga aplicar a informação que tem. E passar no teste é importante para passar à próxima etapa, que poderá ser um novo teste, uma nova disciplina, um curso concluído.

Os profissionais também têm de saber estudar melhor

Para um profissional já no mercado de trabalho, estudar significa outra coisa. Estudar é escolher um projecto, estruturar uma apresentação e mostrá-la a um potencial cliente. Qualquer que seja o estudo, temos de dedicar parte do nosso tempo a reter informação e qualquer que seja a idade, nem sempre é fácil memorizar algo em pouco tempo.

Aqui, o adulto tenta-se de lembrar de como estudava na escola e aplica as mesmas técnicas que funcionaram consigo.

As técnicas utilizadas por estudantes, desde apontamentos, sublinhados, leituras extensivas, post its, etc, são bastante comuns e certamente que todas essas técnicas juntas poderão trazer resultados uma ou outra vez na vida. E se já fizeste isso tudo e ainda não conseguiu ter a concentração necessária para estudar tudo?

Inspirados nos cinco sentido, ficam aqui três dicas de como podes estudar melhor.

Ler mais: 4 aspetos a ter em conta para escolher a tua licenciatura

Visão: ler e escrever

rapariga a escrever com uma lapiseira
Photo by Green Chameleon on Unsplash

Ler é a base de qualquer estudo. Porque o conhecimento só é conhecimento se for transmissível através de uma mesma fonte que pode chegar a várias pessoas. 

Para melhorar a leitura esta tem de ser uma leitura activa: tens de ler, sublinhar, resumir o parágrafo ao lado, riscar frases que não interessam, colocar notas. Para se poder ler melhor, é necessário escrever melhor.

Podes ler com um lápis a acompanhar a leitura. Depois, deves reescrever as ideias mais importantes, para reter melhor a informação.

Tacto: desenhar

designer a usar caneta fluorescente cor de rosa
Photo by William Iven on Unsplash

Depois de ter a informação escrita, pode sestruturá-la através de esquemas e organigramas. 

Fazer desenhos não só dá ao estudo uma vertente mais prática, mas também permite testar se conheces os conceitos e se consegues criar ligações entre eles. Fazer vários esquemas permite dispor a informação numa estrutura organizada. Mais tarde, quando olhares para um esquema, consegues armazenar todo o tipo de conteúdos numa única imagem, facilitando a memorização.

Audição: ouvir e falar

rapariga vestida de preto sentada na cama a ler um livro
Photo by Nicole Wolf on Unsplash

Para tornar melhor a aprendizagem, sirve-te da comunicação.

Imagina-te numa sala a fazer uma apresentação ou a explicar a um colega determinado plano. Para estimular o ouvido, podes criar sessões de grupo, pois assim trocam ideias e verbalizam a matéria.

Utilizar a voz pode ser estranho, como debitar matéria sozinho no quarto. Mas a verdade é que ajuda a interiorzar, a “ouvir de novo”. Ao exteriorizar o conteúdo que se quer aprender, consegues perceber os conceitos que dominas e outros que tens dificuldade em esclarecer.

Estas são algumas técnicas que me ajudam a estudar melhor. Bom estudo!