Fotografia – Um Dia no Crato

Fotografia – Um Dia no Crato

Saímos manhã cedo. Às 9h já estavamos na estrada. O objetivo era irmos passear, conhecer um sítio novo, aproveitar o sol, tirar fotos, estar em contacto com a Natureza.

O sítio escolhido foi o Alentejo, pois é um sítio que não conhecemos muito bem.

Nós e outra dupla metemo-nos a caminho, com calma, meio acordados, meio a dormir. Chegamos de manhã e estava um óptimo tempo para Janeiro. Zero frio, um sol fantástico, um tempo perfeito para visitar não só a natureza como a vila também.

A vila do Crato fez-me lembrar muito Évora mas é mais pequena, mais campo, mais tranquilidade. A vila tem imensas casas majestosas, umas abandonadas, outras para venda. Naquele dia não se via muita gente na vila. Também estava tudo a descansar ou então a aproveitar o sol, no terraço.

Depois do almoço, ainda passeamos pelo campo e não é fácil explicar a sensação.

É só natureza, é só campo, é só o barulho dos passarinhos. É só aquilo e mais nada. Não há pcs, e-mails, wi-fi, restaurantes finos, lojas de roupa, banquinha de gelados, pessoas a falar e crianças a correr. Apenas há a coisa mais simples do mundo – ar puro.

No regresso seguimos pela nacional a acompanhar a linha do horizonte cor-de-rosa. O nosso país tem sítios maravilhosos para descobrir – e este ano começámos da melhor maneira.

vila do crato

 

vila do crato

 

mosteiro flor da rosa

 

mosteiro flor da rosa 1

 

pousada flor da rosa

 

urban streetart

 

campo crato

 

campo crato 2

 

alentejo crato

 

antas crato

TORNA-TE GRANDE!
Subscreve à Grandeza
Recebe em primeira mão dicas e novidades sobre Carreira, Empreendedorismo & Motivação!
Quero ser Grande!
Sem SPAM, porque quero que recebas conteúdo útil. Experimenta!
close-link