A ir para o modo off

Faltam 3 dias para a consoada…3 DIAS!


Este mês de Dezembro passa num instante: os feriados nas primeiras duas semanas, o meu aniversário, o fechar de contas na empresa, os jantares de Natal, a compra dos presentes, os dias vão e vão passando e sem darmos conta, já estamos no outro verão, o de 2017 (e eu ainda ontem estava a pensar que preparar a passagem de ano ainda era “muito cedo”).

Com o final do ano, tudo abranda, é como na Páscoa ou no mês de Agosto. Os primeiros dias aproveitei para agendar alguns posts no blogue e preparar umas novidades mas agora estou quase em modo off e não queria estar! Queria aproveitar o tempo para escrever mais, ter mais ideias, preparar tudo aquilo que tenho pensado, avançar com algumas ideias, enfim, queria trabalhar, descansar e ainda saber que vou arrancar o ano novo em força.

Só que está a dar aquela preguiça! Eu sou daquelas pessoas que precisa de trabalho, precisa de acção, de movimento, para trabalhar. Se tudo à minha volta está inactivo e se não dá para trabalhar, eu colo-me na cadeira e pareço que passo horas infinitas a fazer scroll no Facebook sem qualquer objetivo. Eu só quero trabalhar!

E isto não faz o mínimo sentido! Já que estou de férias devia aproveitar e ter uma inspiração divina para despachar uns 10 posts de seguida, ler uns quantos capítulos do livro esquecido ao pé da mesa de cabeceira, ver todas as TED Talks guardadas durante semanas, puxar da mantinha e ver finalmente o blockbuster do verão passado (o de 2015, gente), organizar o desktop do PC do trabalho, reflectir sobre o ano e preparar a formação e o objetivos profissionais, e manter-me a par das novidades do que aí vem.
Pois, era o que eu deveria estar a fazer, mas hoje já é quarta-feira, tenho de ir às compras de Natal, vou passar o fim-de-semana fora, tenho de ir beber um cappucino com as amigas e ainda preparar a passagem de Natal. Blogues, cursos? Quem quer saber disso?

Bem, hoje (esta semana) não está a ser fácil mas prometo que hoje, amanhã e na sexta cai-me um raio na cabeça e eu deixo tudo pronto, todas as ideias escritas, todos os papéis arrumado, todas as gavetas organizadas, tudo pronto para os saldos, as agendas, as comidas saudáveis, as idas ao ginásio, os sumos detox, os almoços sem glúten, deixo tudo tudo tudo…mas hoje está a ganhar a preguiça.
Isto não é uma derrota e um intervalo, ainda falta o último do jogo e depois voltamos para o balneário para reaquecer de novo e acabar em beleza. Trust me!

Follow my blog with Bloglovin

TORNA-TE GRANDE!
Subscreve à Grandeza
Recebe em primeira mão dicas e novidades sobre Carreira, Empreendedorismo & Motivação!
Quero ser Grande!
Sem SPAM, porque quero que recebas conteúdo útil. Experimenta!
close-link