O Sucesso É Só Trabalhar Muito? Não

sucesso nao e so trabalhar

O sucesso é a maior forma de felicidade, a maneira de viver a vida em pleno. Era bom podermos estalar os dedos e aparecer tudo o que queremos na vida certo?

É um bocado a vida que nos prometem quando somos jovens.

A vida é um caminho e uma coisa leva a outra – com o sucesso deve ser igual.

Se estudarmos, vamos a faculdade boa, vamos para o emprego bom, temos a casa boa, os filhos bons, no colégio bom. Se seguirmos certos passos, a coisa é certa, a vida endireita-se e vai tudo correr bem.

Deve ser isso que pensamos das milionárias, das visionárias, dos empreendedoras. Elas concretizaram os seus sonhos e os seus objetivos. Elas chegaram lá porque trabalharam arduamente, todos os dias, sem parar, para chegarem lá.

Elas simplesmente começaram a trabalhar e chegaram lá. Ou então tiveram facilidades – o pai rico, o dinheiro na conta bancária, os contactos certos, a licenciatura na universidade certa.

É verdade que há fatores de sorte mas o sucesso nunca é instantâneo.

Todos podemos ter uma ideia e trabalhar nela mas nem todos chegamos lá. Uns param a meio do caminho, outros voltam para trás e outros nem chegam a começar. Tentam uma, duas, três vezes e o sucesso não chega e desistem.

Mas o problema não está no trabalho mas sim numa outra ideia que muitos se esquecem de perceber: os resultados.

 

O sucesso é um resultado bom, é um resultado esperado, favorável, adequado às nossas expectativas. Quando trabalhamos arduamente meses sem fio, esperamos resultados, simplesmente porque trabalhamos. Porque se nos estamos a dedicar totalmente áquilo, tem de haver sucesso obrigatoriamente.

Porque a vida é mesmo assim, fazer muito dá resultados. Só que não.

O sucesso não é apenas arregaçar as mangas e colocar horas no trabalho. Não é trabalhar e esperar por aquele momento, aquele bilhete de lotaria que vai alterar a nossa vida. Não é como um bolo instantâneo, que metemos no microondas e voilá. O sucesso demora tempo e dá trabalho para produzir resultados.

Tal como define Darren Hardy«a concretização de qualquer objectivo é a progressiva acumulação de pequenos passos tomados de forma consistente durante um certo período de tempo».

Em vez de pensarmos no sucesso, porque não pensamos nos pequenos resultados? Porque não pensamos num único resultado? Porque não pensamos num objectivo, para um dia, com uma estratégia, para atingirmos um resultado pequeno? Porque acreditamos em algo mas deixamos de lutar quando não chovem resultados?

Porque não está pronto, porque não é uma vida feita, temos de lutar por ela. Mas porque preferimos comprar uma vida feita quando podemos construir uma vida à nossa medida? Quando vemos outras pessoas bem sucedidas, não hesitamos em perguntar, qual é o teu segredo?.

O sucesso não tem uma poção mágica que está preparada para ser tomada! Tens de ser tu a construí-lo, para ti, por ti.

O sucesso é apenas a acumulação de muitos resultados e muito trabalho ao longo da vida. O sucesso é inteligência quando há ignorância. É consistência quando há preguiça. É persistência quando há vontade de desistir. É resultado atrás de resultado e isso consegue-se com trabalho, com um trabalho árduo mas consistente, mesmo quando não está nada à vista.

O sucesso é pegar no barco e zarpar pelo nevoeiro até encontrar a ilha. Andamos, andamos, andamos e não vemos nada. Paramos? Não, continuamos até aparecer um raio de sol, uma vela, um pedaço de terra. O sucesso é ter uma meta e só parar quando lá chegar.